Pombo, FGuedes, Mantorras, Mona, Élvio, Mendes, Alentejano, Luciano, Marco

Alentejano, Mantorras, Brá, Mendes, Pombo, Nunes, Luciano, Soneca(a dormir mesmo!), Mona e Élvio

sábado, 17 de janeiro de 2009

Caso André Santos chega ao SJPF


O Presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol, Joaquim Evangelista esteve reunido com o Presidente da SAD do Segunda-Feira FC, José Élvio para discutir a situação do jogador André Santos.

Em declarações ao sitio oficial do Segunda-Feira o Presidente do Sindicato Joaquim Evangelista mostrou-se esperançado em levar as negociações a bom porto, mostrou-se sensível aos argumentos esgrimidos por José Élvio mas disse que acima de tudo estavam os interesses do seu associado:

Percebo que seja difícil mudar o que para alguns é uma questão de identidade cultural, para todos aqueles que seguem os destinos do Segunda-Feira pode não ser fácil ver a equipa a jogar a um dia que não à Segunda-Feira, mas penso que com um pouco de boa vontade tudo se consegue... mais acrescento devo recordar que o André Santos é um dos sócios fundadores do Segunda-Feira, se esta instituição hoje existe deve-o aos esforços sobre-humanos de tão excelente atleta e líder... em momentos de grande dificuldade cumulou as funções de treinador-jogador, sem nunca virar as costas à luta... Está na altura do Clube retribuir a dedicação e fazer uma pequena alteração ao seu horário de treino.

Contudo André Santos foi aconselhado a não cortar laços com o SFFC:


Sim informei o André que mais vale manter-se interessado na vida do clube, sob pena de sofrer represálias, lembrei-lhe o caso do Adriano que já não se treina com o plantel principal do FCP desde o início da época. E pior seria se o André fosse despedido por justa causa, o que só pioraria a sua situação e do seu agregado familiar. Por isso disse-lhe para que marcasse presença nos treinos sempre que lhe fosse possível.

O receio de Joaquim Evangelista prende-se com a atitude do Director Desportivo Filipe Pombo que lidera os destinos do SFFC com pulso de ferro, e não admite que ninguém se intrometa nos assuntos do foro interno do clube. Em curtas declarações à saída de um conhecido espaço de diversão nocturna Pombo foi categórico:


Imagine agora que um outro atleta não pode à quarta, e outro não pode à quinta, e ninguém pode à sexta... você é inteligente, não é preciso continuar pois não? Admito que o André foi importante na formação do clube, mas como sabemos existem obras que crescem mais do que o seu criador, foi o que aconteceu com este clube.

Já José Élvio deu todo o seu apoio à "Causa André Santos":
É a altura de provar que somos " mucho más que un club", este clube é feito de pessoas, e existe para as pessoas, por isso se não podem à Segunda, jogamos às Quartas.